terça, 26 de abril de 2022 - 17:20h - 3081
Governo apresenta balanço das ações de Desenvolvimento Rural à Assembleia Legislativa
Gestor da SDR, Janer Gazel, detalhou os programas estratégicos para a agricultura familiar e a busca de novas culturas com foco no aumento da cadeia produtiva.
Por: Weverton Façanha
Foto: Kitt Nascimento/Alap
Desde 2020, o Estado destinou mais de R$55 milhões para a agricultura familiar.

A Secretaria de Desenvolvimento Rural do Amapá (SDR), apresentou na Assembleia Legislativa (Alap), nesta terça-feira, 26, durante a 27ª Sessão Legislativa, um balanço geral sobre o Programa de Produção Integrada de Alimentos (PPI), safra 2021/2022. De forma sucinta, o gestor da SDR, Janer Gazel, expôs aos parlamentares os programas estratégicos para a agricultura familiar e a busca de novas culturas com foco no aumento da cadeia produtiva.

Desde 2020, o Estado destinou mais de R$55 milhões para a agricultura familiar. Somente para as ações do PPI, a SDR destinou R$11 milhões. 

“O programa é organizado por técnicos da SDR e Rurap para alavancar a agricultura familiar e estamos conseguindo, com muito esforço. Somente com o PPI, atendemos 13 municípios, beneficiando 1.290 famílias e com um investimento de mais de R $11 milhões”, destacou Gazel.

O gestor destacou os arranjos agrícolas dentro da cadeia produtiva que estão sendo acolhidos pelo programa, como mandiocultura,  fruticultura; produção de mel; suinocultura; manejo de açaí e recria de camarão da região.

SAIBA MAIS:

PPI da psicultura: Governo do Amapá implanta segundo Laboratório de Reprodução de Alevinos do estado

PPI do Mel: comunidade quilombola ganhará espaço para beneficiamento do produto

PPI: Governo alcança famílias de Mazagão com kits para incentivo à pesca e recria de camarão

Gazel destacou, ainda, o projeto de irrigação em áreas de plantio, que permite que os agricultores possam produzir durante os 12 meses, independente do clima ou estação, ampliando as áreas de plantação e gerando mais renda para a comunidade.

LEIA MAIS: PPI: Governo coordena projeto de irrigação em áreas de plantio em Porto Grande

“Especificamente para o projeto de irrigação, destinamos cerca de R $900 mil, para a montagem dos sistemas no município de Porto Grande, onde atendemos 60 produtores. Com essa ação, os nossos agricultores poderão ter água para irrigar as plantações e assim, produzir mais. Já conseguimos montar cerca de 60% dos projetos e já temos produtores usando o sistema”, evidenciou o secretário, Gazel.

Cacau e Maniva

Após evidenciar o PPI, o gestor destacou ainda os programas Amapá Cacau, que está sendo implantado no região centro-oeste do estado para inserir o plantio de cacau na cadeia agrícola amapaense; e p Reniva, que está levando aos produtores uma maniva modificada geneticamente com maiores resistências às pragas e, consequentemente, melhor rendimento na colheita.

Encerrando sua prestação de contas perante a Casa Legislativa, o secretário lançou o convite aos deputados para acompanhar as ações do programa nas áreas produtivas no interior do estado.

“Aproveito o momento para convidar os deputados a irem até os locais para observarmos o andamento do programa, pois isso é importante para gestão e também para o nosso produtor”, disse. 

O convite para o balanço das ações do PPI na Alap partiu do deputado estadual e produtor rural, Jesus Pontes.

“É sempre bom falar e mostrar os resultados de programas que estão sendo implantados e, o mais importante, estão dando certo. É o nosso trabalho criar mecanismos para beneficiar o produtor sempre”, finalizou.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá