terça, 24 de maio de 2022 - 19:36h - 2480
Equipes do Vigilância em Saúde monitoram situação de cheias no Vale do Jari
Ação faz parte do trabalho em conjunto do Governo do Amapá para prestar assistência aos moradores de Laranjal e Vitória do Jari.
Por: Rafaela Bittencourt
Foto: Ascom/SVS
Equipes do Governo do Amapá realizam força tarefa na região. SVS orienta ações de vigilância em saúde para a população.

O Governo do Amapá, por meio da Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS), segue monitorando a situação de crise causada pelas cheias no sul do Amapá, sobretudo em Laranjal do Jari, que registrou aumento do nível do rio nesta terça-feira, 24, atingindo a marca de 3,21 metros.

LEIA MAIS:

Governo leva segurança alimentar para famílias atingidas por enchentes no Vale do Jari

As equipes atuam em duas linhas de trabalho: vigilância e orientação. Em fevereiro, a SVS lançou um comunicado de risco para orientar o apoio à região. Atualmente, a Superintendência realiza três monitoramentos importantes: Vigisolo – programa de vigilância para agrotóxicos; Vigiar – monitoramento de doenças respiratórias; e Vigiágua, que monitora pontos de coleta de água potável.

"Desde o início da nossa atuação, o Governo do Amapá, já realizou visitas técnicas às áreas de captação de água do município de Laranjal do Jari para acompanhar as condições operacionais no abastecimento de água potável na região", explica Celisa Melo, superintendente de Vigilância em Saúde do Amapá.

“Até o momento, as equipes já distribuíram 1.550 caixas de hipoclorito para as populações das duas cidades - 1.000 para Laranjal e 550 para Vitória do Jari”, completa.

Pelo menos duas Unidades Básicas de Saúde do município foram atingidas pelas águas, as equipes também atuam nesse monitoramento e orientação sobre o armazenamento dos insumos.

Assistência à população

Além da SVS, o Governo do Estado mantém técnicos para avaliar a situação atual dos sinistros e providenciar novas medidas de amparo à população. Os trabalhos do Estado seguem em diversas frentes desde o início do período chuvoso.

Estão na região grupos da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), Secretaria de Saúde (Sesa), Secretaria de Inclusão e Mobilização Social (Sims) e Agência de Fomento do Amapá (Afap).

Os atendimentos incluem cadastro no Renda Para Viver Melhor - principal programa de transferência de renda do Estado - cuidado e prevenção de doenças e fomento para os empreendedores.

 

GALERIA DE FOTOS

Créditos:

Ascom/Jari

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá